quarta-feira, julho 24, 2024
HomeCulturaMuseu de Itajaí: Uma Jornada vindo das raízes do Museu Histórico

Museu de Itajaí: Uma Jornada vindo das raízes do Museu Histórico

 Uma Jornada vindo das raízes do Museu Histórico de Itajaí

Uma jornada trazendo de volta ao passado através das histórias com raízes  fortes ,contada sobre o Museu Histórico de Itajaí. O palácio com o nome de Marcos Konder, aberto para visitação, foi considerado um patrimônio muito importante para Itajaí que nos leva a um viagem lúdica à cidade.

A sua edificação possui 17 espaços fragmentados com temas bem diferentes, curiosidades e informações históricas.

As exposições aborda diretamente relações de poder em armaria e numismática, relações internacionais e imigração.

Em seguida espaços voltados para poesia e arte aos autores locais.

A equipe do museu fez toda uma contextualização no hall de entrada sobre o Palácio sobre sua origem no ano de 1925. Na época era conhecido como Superintendência Itajaí, então construído pelo superintendente municipal Marcos Konder.

Entre 1925 a 1950 recebeu os três poderes municipais. Mas somente na década de 1950 o Judiciário foi retirado, apenas o legislativo se manteve no piso superior e o Executivo na parte do térreo e subsolo.

No Museu tem um espaço destinado sobre a ocupação de território sobre todo o desbravamento de terras através dos colonizadores europeus.

A colonização um assunto que não pode ser esquecido, em que há várias explicações sobre questões do presente. Aborda sobre um assunto muito importante, a diversidade étnica e religiosa junto a um espaço reservado sobre rio e mar, alicerces econômicos e culturais de Itajaí.

✅ Leia também: Mercado Público de Itajaí

Marcos Konder e seus objetos pessoais relembram sua história marcante

Marcos nasceu em Itajaí no dia 15 de Dezembro de 1922 e faleceu em 2001 no Rio de Janeiro.

Os seus objetos pessoais estão expostos na sala do poeta, sendo a máquina de escrever, moveis de gabinete de estúdio e de escritório, junto com fotos e vídeos do poeta Marcos Konder Reis.

Após o seu falecimento uma parte de seus objetos pessoais, cartas, livros, manuscritos foram doados para à Fundação Genésio Miranda Lins e sob total responsabilidade do Arquivo Histórico de Itajaí e departamento técnicos do Museu.

Museu Histórico-Itajaí

Museu relembra a incrível história do Porto de Itajaí

Um fato muito importante relembrado no museu desde a fundação do Porto que acelerou o seu crescimento econômico, com um fluxo de imigrantes bem considerável e na construção dos barcos, vindos com a importação e exportação.

O artista Agê Pinheiro produziu uma maquete sobre o centro da cidade, ou seja, são histórias que jamais serão esquecidas graças ao Museu preservando fatos de Itajaí que foi simplesmente marcante para toda a vida.

 

RELATED ARTICLES

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Most Popular

Recent Comments